Paginas

sexta-feira, 31 de maio de 2013

Todo Dia é Menos Um Dia

Todo dia é menos um dia;
menos um dia para ser feliz;
é menos um dia para dar e receber;
é menos um dia para amar e ser amado;
é menos um dia para ouvir e, principalmente, calar!

Sim, porque calando nem sempre quer dizer
que concordamos com o que ouvimos ou lemos,
mas estamos dando a outrem a chance de pensar,
refletir, saber o que falou ou escreveu.

Saber ouvir é um raro dom, reconheçamos.
Mas saber calar, mais raro ainda.
E como humanos estamos sujeitos a errar.
E nosso erro mais primário, é não saber
Ouvir e calar!

Todo dia é menos um dia para dar um sorriso,
Muitas vezes alguém precisa, apenas de um sorriso
para sentir um pouco de felicidade!

Todo dia é menos um dia para dizer: 
- Desculpe, eu errei!
Para dizer: 
- Perdoe-me por favor, fui injusto!

Todo dia é menos um dia;
Para voltarmos sobre os nossos passos.
De repente descobrimos que estamos muito longe
E já não há mais como encontrar
onde pisamos quando íamos.
Já não conseguiremos distinguir nossos passos
de tantos outros que vieram depois dos nossos.

E se esse dia chega, por mais que voltemos;
estaremos seguindo um caminho, que jamais
nos trará ao ponto de partida.

Por isso use cada dia com sabedoria.
Ouça e cale se não se sentir bem;
Leia e deixe de lado, outra hora você vai conseguir
interpretar melhor e saber o que quis ser dito.

Autor desconheço
Colaboração: Carlos E. Della Justina

terça-feira, 28 de maio de 2013

O Poder De Um Sorriso

Um sorriso não custa nada, mas cria muitas coisas. 
Dura só um momento, mas sua lembrança perdura pela vida a fora. 
Não se pode comprá-lo, mendigá-lo, pedi-lo emprestado ou roubá-lo. 
Não tem utilidade enquanto não é dado. 
E por isso se no seu caminho encontrares uma pessoa por demais cansado para lhe dar um sorriso, deixa-lhe o seu, pois ninguém precisa tanto de um sorriso quanto aquele que não tem mais um a oferecer. 
Seu sorriso será tão precioso para esta pessoa que no momento que ela receber ela sentira a magia da felicidade incendiar o seu viver, e ela de gratidão lhe retornara um belo e meigo sorriso. 
Por isso minha querida amiga, conserve este brilho de alegria em seu rosto, pois mesmo que você não perceba através do seu sorriso, você transmite para as pessoas que caminham ao seu lado forças, alegrias e coragem!

Autor desconheço
Colaboração: Carlos E. Della Justina

segunda-feira, 27 de maio de 2013

Estratégia Para a Vida

Um senhor vivia sozinho em sua casa...
Ele queria virar a terra de seu jardim para plantar flores, mas era um
trabalho muito pesado. Seu único filho, que o ajudava nesta tarefa, estava na prisão. O homem então escreveu a seguinte carta ao filho:
'Querido Filho,
Estou triste com sua ausência e não vou poder plantar meu jardim este ano.
Detesto não poder fazê-lo porque sua mãe sempre adorava flores 
e esta é a época do plantio. Mas eu estou velho demais para cavar a terra.
Se você estivesse aqui, eu não teria esse problema, mas sei que você não pode me ajudar, pois estás na prisão.
Com amor, Seu pai.' 
Pouco depois o pai recebeu o seguinte telegrama:
'PELO AMOR DE DEUS, pai, não escave o jardim!
Foi lá que eu escondi os corpos'
Como as correspondências eram monitoradas na prisão...
Às quatro da manhã do dia seguinte, uma dúzia de Agentes do FBI e Policiais apareceram e cavaram o jardim inteiro, sem encontrar
nenhum corpo.
Confuso, o velho escreveu uma carta para o filho contando o que
acontecera. Esta foi a resposta:
'Pode plantar seu jardim agora, pai. Isso é o máximo que eu posso fazer no momento.'
Estratégia é tudo!!!
Nada como uma boa estratégia para conseguir coisas que parecem 
impossíveis. Assim, é importante repensar sobre as pequenas coisas que muitas vezes nós mesmos colocamos como obstáculos em nossas vidas.
*Ter problemas na vida é inevitável, ser derrotado por eles é opcional.

Autor desconheço
Colaboração: Carlos E. Della Justina

sexta-feira, 24 de maio de 2013

A Flor

Durante algum tempo, em todos os domingos uma pessoa me deu um botão de rosa para colocar na lapela do meu terno. Como eu sempre recebi a flor pela manhã, realmente nunca pensei muito naquilo. Foi um belo gesto que apreciei, mas tornou-se rotina. Contudo, em um domingo, o que eu considerava comum tornou-se muito especial.
Quando eu saía da igreja, um garoto veio em minha direção e disse:
- Senhor, o que vai fazer com essa flor?
Em princípio eu não soube do que ele estava falando, mas depois compreendi.
- Está falando disto? - perguntei, apontando para a rosa em minha lapela.
- Sim - respondeu ele. - Gostaria que me desse, se for jogá-la fora.
Então eu sorri, disse-lhe que poderia ficar com a flor e perguntei casualmente o que pretendia fazer com ela. 
O garoto, que provavelmente tinha menos de dez anos, ergueu os olhos para mim e respondeu:
- Vou dá-la para a minha avó. Minha mãe e meu pai se divorciaram no ano passado. Eu estava morando com a minha mãe, mas quando ela se casou novamente, quis que eu fosse morar com o meu pai. Morei com ele durante algum tempo, mas ele disse que eu não podia ficar, por isso me mandou ir morar com a minha avó. Ela é muito boa. Cozinha para nós dois e cuida de mim. Tem sido tão boa que eu quero dar-lhe essa linda flor para que fique feliz comigo.
Quando o garotinho terminou, eu mal podia falar. Meus olhos encheram-se de lágrimas e eu soube que ele tocara nas profundezas da minha alma. Eu tirei a flor da lapela. Com a flor na minha mão, olhei para ele e disse:
- Filho, essa é a coisa mais bonita que eu já ouvi, mas você não pode ficar com esta flor porque não é o suficiente. Se olhar para o púlpito da igreja, verá um grande buquê de flores. Famílias diferentes o compram para a igreja todas as semanas. Por favor, leve aquelas flores para a sua avó, porque ela merece as melhores.
Como se não bastasse a minha emoção, ele proferiu uma última frase da qual sempre me lembrarei:
- Que dia maravilhoso! Pedi apenas uma flor, mas recebi um lindo buquê!

Pastor John R. Ramsey
Colaboração: Carlos E. Della Justina

quinta-feira, 23 de maio de 2013

Você Fez Tudo E Se Esqueceu De Mim


 Quando você se levantou pela manhã, eu já havia preparado o sol para aquecer o seu dia e o alimento para sua nutrição.
Sim, eu providenciei tudo isso enquanto vigiava e guardava seu sono, a sua família e a sua casa. 
Esperei pelo seu Bom Dia, mas você se esqueceu...
Bem... você parecia ter tanta pressa que eu perdoei!
O sol apareceu, as flores deram o seu perfume, a brisa da manhã o acompanhou e você nem pensou que eu é que havia preparado tudo para você.
Seus familiares sorriram, seus colegas o saudaram, você trabalhou, viajou, realizou negócios, alcançou vitórias, mas... você não percebeu que eu estava cooperando com você e, teria ajudado mais se tivesse me dado uma chance...
Eu sei, você corre tanto que eu perdoei!
Você leu bastante, ouviu muita coisa, viu mais ainda e não teve tempo de ler ou ouvir a minha palavra.
Eu quis falar, mas você não parou para ouvir.
Eu quis até aconselhar-te, mas você nem pensou nessa possibilidade. 
Seus olhos, seus pensamentos, seus lábios seriam melhores. 
O mal seria menor e o bem muito maior em sua vida.
A chuva à tarde, foram minhas lágrimas por sua ingratidão, mas foram também a minha benção sobre a terra para que não te falte pão e água.
Você trabalhou, ganhou dinheiro que não foi mais porque não me deixou ajudar. Mais uma vez você se esqueceu que eu desejo sua participação no meu reino com sua vida, seu tempo, seus talentos e seu dinheiro também.
Findou o dia. Você voltou para casa. Mandei a lua e as estrelas tornarem a noite mais bonita para lembrar-te o meu amor por você. Certamente agora você vai dizer "Obrigado" e Boa Noite. Psiu... Está me ouvindo? Já dormiu? Que pena!
Quem sabe amanhã você se lembre de mim...

Autor desconheço
Colaboração: Carlos E. Della Justina

terça-feira, 21 de maio de 2013

Emoções



Ha coisas na vida da gente que nos deixam felizes... 
Ha outras que com o tempo se revelam e só nos causam sofrimento.
Ha outras ainda que aos poucos nos decepcionam, ate o ponto que o entusiasmo morre e ai já não sentimos mais emoção. 
Os relacionamentos são assim (as vezes)... 
No inicio nos transmitem tanta coisa boa, tudo é perfeito, o tratamento, o jeito de falar, de andar, de sorrir... o
coração bate mais forte, as pernas tremem... 
Com o tempo, com a visão do dia-a-dia, com a intimidade, as pessoas já não parecem mais tão perfeitas para nos.
As amizades acabam, os namoros, os noivados, casamentos acabam, os encantos são quebrados, a magia é
descoberta e não conseguimos mais enxergar as coisas boas que a outra pessoa tem... 
Analisamos tudo por um prisma implacável, que só nos diz a pura verdade, só no diz o que tem dentro da gente, o
sentimento mais profundo, a percepção e a intuição de que aquela pessoa não tem mais lugar nas nossas vidas.
A vida é assim... encantamentos e decepções, amores e ilusões, alegrias e tristezas, saudade e indiferença, satisfações e frustrações... 
A única coisa que fica, é a lembrança de momentos bons, de palavras de carinho, de um olhar, de um sorriso, do
toque da pele, do cheiro, do sentimento que se foi. 
A única sobrevivente é a esperança de um dia encontrarmos tudo isso novamente e que dessa vez o encantamento dure muito, muito tempo em nossas vidas. 
Todos nós precisamos amar e ser amados, todos nós precisamos de alguém que nos de carinho, que goste verdadeiramente, sem querer nada em troca, sem interesses escusos ou conveniências momentâneas, nos ame pelo o que nos somos, com todos os defeitos, com todas as virtudes... 
Todos nos precisamos ser felizes!
Não deixe que a saudade sufoque, que a rotina acomode, que o medo impeça de tentar. 
Desconfie do destino e acredite em você. Gaste mais horas realizando que sonhando, fazendo que planejando, vivendo que esperando porque, embora quem quase morre esteja vivo, quem quase vive, já morreu!


Autor desconheço
Colaboração: Carlos E. Della Justina

segunda-feira, 20 de maio de 2013

Ser Feliz, Não É...


Ser feliz não é ter um céu sem tempestades, caminhos sem acidentes, trabalhos sem fadigas, relacionamentos sem decepções.
Ser feliz é encontrar força no perdão, esperança nas batalhas, segurança no palco do medo, amor nos desencontros.
Ser feliz não é apenas comemorar o sucesso, mas aprender lições nos fracassos.
Ser feliz não é apenas ter júbilo nos aplausos, mas encontrar alegria no anonimato.
Ser feliz é reconhecer que vale a pena viver a vida, apesar de todos os desafios, incompreensões e períodos de crise.
Ser feliz não é uma fatalidade do destino, mas uma conquista de quem sabe viajar para dentro do seu próprio ser.
Ser feliz é deixar de ser vítima dos problemas e se tornar um autor da própria história.
É atravessar desertos fora de si e ser capaz de encontrar um oásis no recôndito da sua alma.
É agradecer a Deus a cada manhã pelo milagre da vida.
Ser feliz, é não ter medo dos próprios sentimentos.
É saber falar de si mesmo.
É ter coragem para ouvir um “não”.
É ter segurança para receber uma crítica, mesmo que injusta.
É beijar os filhos, curtir os pais!
É ter momentos poéticos com os amigos, mesmo que eles nos magoem.
Ser feliz é deixar viver a criança livre, alegre e simples que mora dentro de cada um de nós.
É ter maturidade para falar: “Eu errei”. 
É ter ousadia para dizer: “Me perdoe!”
É ter sensibilidade para expressar: “Eu preciso de você”.
É ter capacidade de dizer “Eu te amo”.
E, quando você errar o caminho, recomece tudo de novo. Pois assim você será cada vez mais apaixonado pela vida. E descobrirá que...
Ser feliz não é ter uma vida perfeita.
Mas usar as lágrimas para irrigar a tolerância.
Usar as perdas para refinar a paciência.
Usar as falhas para esculpir a serenidade.
Usar a dor para lapidar o prazer.
Usar os obstáculos para abrir as janelas da inteligência.

Augusto Cury
Colaboração: Carlos E. Della Justina

sexta-feira, 17 de maio de 2013

A Pressa


Um jovem e bem sucedido executivo dirigia por sua vizinhança, correndo demais em seu novo Jaguar. Um carro de quase 500 mil reais. Observando crianças se lançando entre os carros estacionados, diminuiu um pouco a velocidade, quando achou ter visto algo.
Enquanto passava, nenhuma criança apareceu. De repente um tijolo espatifou-se na porta lateral do Jaguar. Freou bruscamente e deu ré até o lugar de onde teria vindo o tijolo. Saltou do carro e pegou bruscamente uma criança empurrando-a contra um veiculo estacionado e gritou:
– Por que você fez isso… que besteira você pensa que está fazendo? Este é um carro novo e caro, aquele tijolo que você jogou vai me custar muito dinheiro seu moleque… Por que você fez isto?
– Por favor senhor me desculpe, eu não sabia mais o que fazer! Implorou o pequeno menino. Ninguém estava disposto a parar e me atender neste local.
Lágrimas corriam do rosto do garoto, enquanto apontava na direção dos carros estacionados.
– É o meu irmão. Ele desceu sem freio e caiu de sua cadeira de rodas e eu não consigo levantá-lo.
Soluçando, o menino perguntou ao executivo:
– O senhor poderia me ajudar a recolocá-lo em sua cadeira de rodas? Ele está machucado e é muito pesado para mim.
Chocado, o jovem motorista dirigiu-se ao jovenzinho, colocando-o em sua cadeira de rodas.
Tirou seu lenço, limpou as feridas e arranhões, verificando se tudo estava bem.
– Obrigado e que meu Deus possa abençoá-lo. A grata criança disse a ele.
O homem então viu o menino se distanciar… empurrando o irmão em direção a sua casa. Foi um longo caminho de volta para o seu carrão um longo e lento caminho de volta.
Ele nunca consertou a porta amassada. Deixou amassada para lembrá-lo de não ir tão rápido pela vida, que alguém tivesse que atirar um tijolo para obter a sua atenção...
Às vezes, somos assim andamos rápido e não percebemos que Deus sussurra em nossas almas e fala aos nossos corações. Algumas vezes quando nos não temos tempo de ouvir, Ele tem que jogar um tijolo em nós.

Ciente disso agora, a sua escolha: ouvir o sussurro ou esperar pelo tijolo ?

Matheus Ramos
Colaboração: Carlos E. Della Justina

quinta-feira, 16 de maio de 2013

Agradeça A Vida


Se pudéssemos ter consciência do quanto nossa vida é efêmera,talvez pensássemos duas vezes antes de jogar fora as oportunidades que temos de ser e de fazer os outros felizes. Muitas flores são colhidas cedo demais. Algumas, mesmo ainda em botão. Há sementes que nunca brotam e há aquelas flores que vivem a vida inteira até que, pétala por pétala, tranqüilas, vividas, se entregam ao vento.
Mas a gente não sabe adivinhar. A gente não sabe por quanto tempo estará enfeitando esse Éden e tampouco aquelas flores que foram plantadas ao nosso redor. E descuidamos. Cuidamos pouco. De nós, dos outros.
Nos entristecemos por coisas pequenas e perdemos minutos e horas preciosos. Perdemos dias, às vezes anos.
Nos calamos quando deveríamos falar; falamos demais quando deveríamos ficar em silêncio. Não damos o abraço que tanto nossa alma pede porque algo em nós impede essa aproximação. Não damos um beijo carinhoso “porque não estamos acostumados com isso” e não dizemos que gostamos porque achamos que o outro sabe automaticamente o que sentimos.
E passa a noite e chega o dia, o sol nasce e adormece e continuamos os mesmos, fechados em nós. Reclamamos do que não temos, ou achamos que não temos suficiente. Cobramos. Dos outros. Da vida. De nós mesmos. Nos consumimos.
Costumamos comparar nossas vidas com as daqueles que possuem mais que a gente. E se experimentássemos comparar com aqueles que possuem menos? Isso faria uma grande diferença!
E o tempo passa…
Passamos pela vida, não vivemos. Sobrevivemos, porque não sabemos fazer outra coisa.
Até que, inesperadamente, acordamos e olhamos pra trás. E então nos perguntamos: e agora?!
Agora, hoje, ainda é tempo de reconstruir alguma coisa, de dar o abraço amigo, de dizer uma palavra carinhosa, de agradecer pelo que temos.
Nunca se é velho demais ou jovem demais para amar, dizer uma palavra gentil ou fazer um gesto carinhoso.
Não olhe para trás. O que passou, passou. O que perdemos, perdemos.
Olhe para frente !
Ainda é tempo de apreciar as flores que estão inteiras ao nosso redor. Ainda é tempo de voltar-se para dentro e agradecer pela vida, que mesmo efêmera, ainda está em nós.

Autor desconheço
Colaboração: Carlos E. Della Justina

terça-feira, 14 de maio de 2013

Viver Não Dói


Por que sofremos tanto por amor?
O certo seria a gente não sofrer, apenas agradecer por termos conhecido uma pessoa tão bacana, que gerou em nós um sentimento intenso e que nos fez companhia por um tempo razoável, um tempo feliz.

Sofremos por quê? Porque automaticamente esquecemos o que foi desfrutado e passamos a sofrer pelas nossas projeções irrealizadas, por todas as cidades que gostaríamos de ter conhecido ao lado do nosso amor e não conhecemos, por todos os filhos que gostaríamos de ter tido junto e não tivemos, por todos os shows e livros e silêncios que gostaríamos de ter compartilhado, e não compartilhamos.

Por todos os beijos cancelados, pela eternidade. Sofremos não porque nosso trabalho é desgastante e paga pouco, mas por todas as horas livres que deixamos de ter para ir ao cinema, para conversar com um amigo, para nadar, para namorar.

Sofremos não porque nossa mãe é impaciente conosco, mas por todos os momentos em que poderíamos estar confidenciando a ela nossas mais profundas angústias se ela estivesse interessada em nos compreender. Sofremos não porque nosso time perdeu, mas pela euforia sufocada.

Sofremos não porque envelhecemos, mas porque o futuro está sendo confiscado de nós, impedindo assim que mil aventuras nos aconteçam, todas aquelas com as quais sonhamos e nunca chegamos a experimentar.

Como aliviar a dor do que não foi vivido? A resposta é simples como um verso: Se iludindo menos e vivendo mais!! A cada dia que vivo, mais me convenço de que o desperdício da vida está no amor que não damos, nas forças que não usamos, na prudência egoísta que nada arrisca, e que, esquivando-se do sofrimento, perdemos também a felicidade..

A dor é inevitável. O sofrimento é opcional.

Autor desconheço
Colaboração: Carlos E. Della Justina

segunda-feira, 13 de maio de 2013

A Cor Da Sua Vida


A vida é um acontecimento que merece ser comemorado. A cada dia, a cada instante, ela se renova generosa nos pequenos espaços. A vida é miúda, feita de pequenas partes. Viver é construir um mosaico, parte por parte, dia após dia. A beleza de um momento unida à tristeza de outras horas passa a ocupar o mesmo espaço no quadro. As cores se misturam e se arquitetam em busca da harmonia tão desejada.
Há dias em que as cores são frias... a vida pede calma, silêncio, pausas...
Há dias em que as cores são quentes... a vida rompe com toda forma de calma...
Não suportaríamos permanecer em um só lado dessas possibilidades. O que nos torna felizes é justamente a dinâmica que nos envolve com suas eternas variações.
A vida é semelhante à trama dos teares. Fios se entrelaçam para construirem juntos o mesmo tecido. A diferença das cores é que garante a beleza final do tecido...
Hoje eu não sei qual é a cor da sua vida. A minha é marinho. Não é alegre, nem triste. Espero pelo dia em que será vermelho. Espero que seja breve. O marinho, lado a lado com o vermelho torna-se capaz de expressar uma profundidade que sozinho ele não é capaz de demonstrar.
Ninguém pode saber o que é a felicidade, se ainda não tiver passado pela decepção. Só pode saborear bem a vitória aquele que já sentiu o amargo da derrota.
O avesso é repleto de ensinamentos, a vida também..."

Pe. Fábio de Melo
Colaboração: Carlos E. Della Justina

sexta-feira, 10 de maio de 2013

Mãe Guerreira


A mãe guerreira é aquela que nunca desiste, seu amor é mais forte do que as adversidades da vida, essa é uma homenagem as mães guerreiras. 
As mães guerreiras, são aquelas que nunca desistem de seus filhos, lutam a vida toda com um único propósito, o bem estar de seus filhos.
Jamais subestime o valor de uma mãe de sua força, sua coragem, seu poder de sair a frente num campo de guerra para proteger seu filho, de enfrentar o mundo para educa-lo.
Todos conhecemos uma mãe que através de sua luta e exemplo de vida conseguiu criar seus filhos e educá-los independente das circunstâncias impostas pela sociedade ou pelo ambiente ao seu redor.
Mãe guerreira, mãe coragem, simplesmente mãe
O amor de uma mãe torna-a mais corajosa que um herói, as vezes em meio a tantas dificuldades ela nunca desiste, sempre acredita e tem a fé que tudo vai dar certo, tudo vai melhorar... 
Possui uma persistência incrível, está sempre pronta para defender e proteger aqueles que são frutos do seu ventre, em verdade somente a palavra sublime pode definir a grandeza e a força do seu amor. 
Que neste dia tão especial Deus possa colocar na sua vida muitas coisas boas... Principalmente saúde, alegria e felicidades. 
É com todas as minhas forças que estou sempre torcendo por você. Te amo, te quero, te adoro...não sei viver longe de você...
Ela tem a capacidade de ouvir o silêncio.
Adivinhar sentimentos.
Encontrar a palavra certa nos momentos incertos.
Nos fortalecer quando tudo ao nosso redor parece ruir.
Sabedoria emprestada dos deuses para nos proteger e amparar.
Sua existência é em si um ato de amor.
Gerar, cuidar, nutrir.
Amar, amar, amar...
Amar com um amor incondicional que nada espera em troca.
Afeto desmedido e incontido, Mãe é um ser infinito.



(Ocrides Veiga)
Colaboração: Carlos E. Della Justina

quinta-feira, 9 de maio de 2013

Mensagem Carinhosa Para a Mamãe


Você que me deu o bem mais precioso. “A vida” 
Me esperou com tanto carinho. 
Me ensinou os primeiros passos.  As primeiras palavras. 
As lembranças mais antigas que tenho em você, é a sua mão segurando a minha para me dar proteção.  
Sua voz doce, cantando cantigas de ninar, me fazendo dormir e sonhar. 
Um sonho sereno, tranqüilo, sabendo que você estaria ali a me proteger.  
Você que lutou, sorriu, chorou. Mas não deixou a amargura tomar conta de seu coração. 
Você que me ensinou a ser homem, mas continuar com meus sonhos de criança. 
A ser forte, sem ser amargo.  Abrir meus caminhos, tomando sempre cuidado com as plantinhas ao redor.  
Com você aprendi a ser “gente” Que respeita “gente”.  
Aprendi a ter fé, aprendi a aceitar os defeitos das pessoas. 
Aprendi que o amor tem que ser incondicional.  
Minhas melhores lembranças, são as que você cria todos os dias... No amor que sinto em tudo o que você faz.  
No brilho do seu olhar.  
MÃE... Que Deus a proteja sempre, te ilumine, te de forças para continuar sua batalha. E que eu possa sempre sentir e ter esse amor maior em todos os momentos de minha vida.

Autor desconheço
Colaboração: Carlos E. Della Justina

terça-feira, 7 de maio de 2013

Futura Mamãe


Quando um bebê decide vir ao mundo, nasce com ele uma mãe.
Uma mãe é mãe desde o primeiro instante. Mesmo quando a vida ainda é um minúsculo ser implantado no ventre, a mãe já é mãe do coração. 
Todo seu pensamento, todo seu cuidado se volta para esse serzinho que, tão minúsculo, já provoca emoções tão grandes.
A simples descoberta já traz um turbilhão de emoções inexplicáveis. A vida nunca mais vai ser a mesma. E elas se perguntam: "será que vou ser uma boa mãe?"
"Será que vou saber cuidar do meu bebê?"
Mas uma mãe não nasce mãe e não aprende a ser em escolas. Uma mãe é e isso basta. Mãe sente, mãe adivinha, mãe aprende sofrendo, mãe sofre aprendendo.
Benditas são as mulheres! Se elas suportam uma das maiores dores, sentem sem dúvida a maior das felicidades. 
Uma mulher grávida é sempre algo sublime, ela tem algo de anjo e santo, uma aura invisível que reflete e ilumina seu rosto. 
Ela carrega nela a vida, um pedacinho dela mesma que vai um dia ter vida própria e isso é maravilhoso e assustador ao mesmo tempo.
Deve ser por isso que elas são tão emotivas e choram tão facilmente. Deve ser essa a razão de quererem estar satisfeitas em todos os seus desejos.
Que a gravidez não é uma doença é verdade. 
Mas que não digam que é normal e que a pessoa pode viver normalmente, pois isso não é verdade. 
Todo o equilíbrio físico, psicológico e emocional fica balançado. 
Você mãe, que está descobrindo as alegrias da maternidade agora, deixa eu te dizer uma coisa: se você tem medo de não saber o suficiente para ensinar ao seu bebê os caminhos da vida, saiba que é com ele que você vai aprender a trilhar muitos desses caminhos. Viva a sua gravidez em todos os seus instantes e não se preocupe se está fazendo ou se fará as coisas certas ou erradas. Seu coração vai te ditar, confie nele! 
Aproveite ao máximo cada segundo, pois cada momento é único e esse privilégio não é dado a todos. Fale com seu bebê, faça carinho nele, sorria pra ele; viva o mais serenamente possível. Acredite: esses momentos são preciosos!...
E, sobretudo, você é uma pessoa agraciada! Deus os escolheu, para que fizessem parte um do outro. Ele saberá, certamente, conduzi-los nesse maravilhoso caminho.

Autor desconhecido
Colaboração: Carlos E. Della Justina

sexta-feira, 3 de maio de 2013

Lembrei De Você


Algumas pessoas neste mundo te amam tanto que poderiam morrer por você. Outras te amam, de alguma forma. 
A única razão que faria alguém te odiar seria a vontade de ser como você. Um sorriso seu pode trazer felicidade a alguém, até mesmo se essa pessoa não gosta de você. 
Todas as noites, alguém pensa em você antes de dormir. Você é o mundo de alguém. Sem você, alguém pode não conseguir sobreviver. Você é especial e único(a), de alguma forma. 
Alguém, cuja existência você desconhece, te ama. Mesmo quando você faz a maior burrice de sua vida, algo bom acontece. 
Quando pensa que o mundo virou as costas para você, pense bem. Você pode ter virado as costas ao mundo. 
Quando acha que não tem a menor chance de conseguir algo, provavelmente não conseguirá. Mas, se acreditar em si mesmo(a), cedo ou tarde conseguirá. 
Lembre-se dos elogios feitos a você, nunca das palavras rudes. Diga às pessoas o que você pensa sobre elas. 
Você se sentirá muito melhor. Se tem um grande amigo, faça com que ele saiba disso.

Autor desconheço
Colaboração: Carlos E. Della Justina

quinta-feira, 2 de maio de 2013

O Sonho Das Cruzes


Um certo homem vivia se queixando dos trabalhos, dos problemas e da vida: “Dizem que Deus dá para cada um a cruz que ele pode carregar. No meu caso creio ter havido um pequeno engano. 
Assim pensando e assim ruminando, foi dormir e teve um sonho. Viu-se de repente num campo enorme cheio de cruzes de todos os tamanhos, feitios, pesos e donos. 
Passeando pelas alamedas e vendo tanta variedade de cruzes, pensou em fazer uma troca. Mas, com quem falar? Nisto aparece um anjo a quem fez sua reclamação e expôs seu desejo.
- Sim, pode escolher uma cruz à vontade.
O homem, que não esperava tanta condescendência, começou a escolher uma cruz do seu agrado. Experimentava o peso, o acabamento, a aparência de cada uma. Por fim apontou uma dizendo:
- Meu bom anjo, acho que esta é do meu gosto.
- Pode levar. Mas repare bem. Esta é a cruz que o bom Deus destinou para você. É a mesma que você já está carregando...
Aqui ele acordou. 
Lição: Deus nunca nos dá o que não podemos carregar. Se a cruz se torna pesada, é porque nós a levamos de arrasto. O que torna a cruz pesada, é o sentimento de revolta e inconformidade da nossa parte.

Autor desconhecido
Colaboração: Carlos E. Della Justina